O Poder do Mito

 

”Dizem que o que todos procuramos é um sentido para a vida. Não penso que seja assim. Penso que o que estamos procurando é uma experiência de estar vivos, de modo que nossas experiências de vida, no plano puramente físico, tenham ressonância no interior do nosso ser e da nossa realidade mais íntimos, de modo que realmente sintamos o enlevo de estar vivos…” – Joseph Campbell

Na verdade, espiritualidade requer que você vá para seu interior e aceite o que encontrar, independente do que seja. Nem tudo o que encontrará será bom ou belo. Mas, enfrentar a si mesmo é um estágio importante para encarar a verdade. E lendo os livros e estudos do renomado professor, escritor e especialista em mitologia e religião comparada, Joseph Campbell, sobre a religiosidade e suas várias facetas, entendemos a “espiral” que pode ser “a verdade”.

Tanto nos meus estudos como escritor (O observador que vos fala), lendo a “Jornada do Herói” para entender o processo criativo que arrebata pessoas no mundo inteiro nos livros de ficção e fantasia, aos estudos que faço como ocultista que me levam a incríveis reflexões nos livros “O poder do Mito” e “As máscaras de Deus” (e seus volumes) me rendo a genialidade desse homem.

Para entender melhor, caro amigo e leitor, convido-o a ver as últimas entrevistas deste que foi um dos gênios do século XX, pouco antes de falecer em 1987. Seja bem vindo ao mundo incrível e “re-descoberto” por de Joseph Campbell. Cuidado pois tudo que acreditava ser as bases de suas crenças podem “ruir”.

O legado de Campbell para a humanidade é inestimável e os que assistirem as entrevistas e refletirem em suas declarações irão compreender em seus corações e mentes.

Mas digo pra melhor muito MELHOR!

Os livros escritos por Campbell e detalhes vocês consegue aqui.

Bom filme! 😉

O Poder Do Mito, por Joseph Campbell

Entrevista com Joseph Campbell (1904-1987), mitólogo norte-americano, feita pelo jornalista Bill Moyer.

Os estudos independentes de Campbell levaram-no a uma análise profunda das ideias do psicólogo Carl Jung e de Sigmund Freud. Altamente influenciado pela psicnálise jungeriana, Campbell escreveu ,em 1949, o livro The Hero with a Thousand Faces (“O Herói de Mil Faces”) . A entrevista é dividida em 6 temas:

1º A Mensagem do Mito — Campbell compara a história da criação de Gênesis com as histórias de criação no mundo de outras culturas

.

2º: A Saga do Herói — Muito antes dos cavaleiros medievais se encarregarem de matar dragões, os contos de aventuras heróicas já faziam parte de todas as culturas mundiais. Campbell nos desafia a ver a presença de uma jornada heróica em nossas vidas. Continuar lendo O Poder do Mito

Os sete cegos e as sete verdades…

Sete sábios, cada um de uma religião, discutiam qual deles conhecia, realmente, a verdade.
Um rei muito sábio que observava a discussão aproximou-se e perguntou:
– O que vocês estão discutindo?…
– Estamos tentando descobrir qual de nós é dono da verdade.
Ao escutar isso, o rei, imediatamente, pediu a um de seus servos que levasse sete cegos e um elefante até o seu castelo. Quando os cegos e o elefante chegaram ao palácio, o rei mandou chamar os sete sábios e pediu-lhes que observassem o que aconteceria a seguir.
O sábio rei pediu aos cegos que tocassem o elefante e o descrevessem, um de cada vez.
O primeiro cego tocou a tromba do elefante e disse:
– É comprido, parece uma serpente.
O segundo tocou-o no dente e disse:
– É duro, parece uma pedra.
O terceiro segurou-lhe o rabo e disse:
– É cheio de cordinhas.
O quarto pegou na orelha e disse:
– Parece um couro bem grosso.
E assim, sucessivamente, cada cego descreveu o elefante de acordo com a parte dele que estava tocando.
Quando todos terminaram de descrever o animal, o rei perguntou aos sete sábios:
– Algum desses cegos mentiu?
– Não! – responderam os sábios em coro – Todos falaram a verdade.
Então, o rei perguntou:
– Mas algum deles disse realmente o que é um elefante?
– Não, nenhum cego disse o que é um elefante, mesmo porque cada um tocou apenas uma parte dele – disse um dos sábios.
– Vocês, sábios, que estão discutindo quem é dono da verdade, parecem cegos. Todos estão falando a verdade, mas, como os sete cegos, cada um se refere apenas a uma parte dela – disse o sábio rei, concluindo:
– Ninguém é dono da verdade, porque cada um a vê de ângulo diferente. “

CHAKRAS o que são?

 

Chacras ou xacras, também conhecidos pela grafia chakras’ ‘ segundo a filosofia iogue, centros energéticos dentro do corpo humano, que distribuem a energia (prana) através de canais (nadis) que nutre órgãos e sistemas1 2

Na Doutrina Espírita os chacras são chamados de Centro de Força.

A palavra chakra vem do sânscrito e significa “roda”, “disco”, “centro” ou “plexo”. Nesta forma eles são percebidos por videntes como vórtices (redemoinhos) de energia vital, espirais girando em alta velocidade, vibrando em pontos vitais de nosso corpo. Os chakras são pontos de interseção entre vários planos e através deles nosso corpo etérico se manifesta mais intensamente no corpo físico.

Nosso corpo físico tem uma ligação sutil com o mundo astral. É através do desequilíbrio desta energia vital que as pessoas adoecem e acabam obstruindo esta ligação com o Divino. Daí, a relação entre as doenças e as crises emocionais. É muito comum ver pessoas que acabam somatizando e transformando energias negativas, depressãoraivasolidão, em doenças físicas, como cânceres e outras mais graves. Nosso corpo físico tem pontos, que quando ativados, fazem fluir a energia vital, nos trazendo alegria e, principalmente, saúde.

Fonte : wikipedia.org

Tendo como base essa explicação, encontrei outro dia na internet uma ótima ilustração representando o Chakras! Exatamente no desenho da Nickelodeon, Avatar: The Last Airbender (Avatar: A Lenda de Aang).

Acho que o desenho deixa bem claro a importância dos Chakras em nossas vidas, como seres buscando a evolução física e espiritual. 😉

Glândula Pineal em conspiração

epífise neuralglândula pineal ou simplesmente pineal é uma pequena glândula endócrina localizada perto do centro do cérebro, entre os dois hemisférios. Apesar das funções desta glândula serem muito discutidas, parece não haver dúvidas quanto ao importante papel que ela exerce na regulação dos chamados ciclos circadianos,que são os ciclos vitais (principalmente o sono) e no controle das atividades sexuais e de reprodução.

A glândula pineal tem sido considerada – desde René Descartes (século XVII), que afirmava ser a glândula o ponto da união substancial entre corpo e alma16 – um órgão com funções transcendentes. Além de Descartes, um escritor inglês com o pseudônimo de Lobsang Rampa, entre outros, dedicaram-se ao estudo deste órgão.

Com a forma de pinha (ou de grão), é considerada por estas correntes religioso-filosóficas como um terceiro olho devido à sua semelhança estrutural com o órgão visual. Localizada no centro geográfico do cérebro, seria um órgão atrofiado em mutação com relação em nossos ancestrais.

Os defensores destas capacidades transcendentais deste órgão, consideram-no como uma antena. A glândula pineal tem na sua constituição cristais de apatita. Segundo esta teoria, estes cristais vibram conforme as ondas eletromagnéticas que captassem, o que explicaria a regulação do ciclo menstrual conforme as fases da lua, ou a orientação de uma andorinha em suas migrações. No ser humano, seria capaz de interagir com outras áreas do cérebro como o córtex cerebral, por exemplo, que seria capaz de decodificar essas informações. Já nos outros animais, essa interação seria menos desenvolvida. Esta teoria pretende explicar fenômenos paranormais como a clarividência, a telepatia e amediunidade.

Bem, com isso em mente, gostaria de apresentar este interessante vídeo da Bela Erinn, que discorre bem sobre o tema inclusive comentando o que tanto melhorar o uso da glandula, quanto o que pode prejudicar seu desenvolvimento.

Aos homens(observadores), um aviso!

Nos primeiros minutos, ou segundos, não lembro. Rsrsrs.

Tive dificuldade em prestar atenção, devido a beleza excessiva da moça. :0

Mas depois focando no assunto, passa. 😉

Depois do vídeo, segue um ótimo texto que aprofunda no assunto ok?

——

A terceira visão é o órgão da percepção Universal.

Na maioria das pessoas essa visão está adormecida. Essa visão Continuar lendo Glândula Pineal em conspiração

Afie sua mente como uma espada…

Tudo está interligado desde o momento da Criação, coincidências não existem. Questione certos dogmas, olhe para o Cosmos, fite as Estrelas, conheça os Planetas, abrace as Galáxias. Proteja uma vida, acalente uma alma, salve um amigo, ajude um estranho e encare as verdades sem julgá-las antes de entendê-las.

Acredite em sua intuição e esteja ciente do Yin e do Yang, precisamos deles.

Lute e aprenda com suas vitórias e ainda mais com suas derrotas. Não faça da sua existência uma Guerra, faça com que seja uma viagem transcendental rumo ao Verdadeiro Amor, mas que esse mesmo Amor possa ser também ao mesmo tempo o próprio Caminho em si. A Raça Humana irá inutilmente buscá-lo nos confins do Universo, apenas para descobrir ao final que ele sempre esteve dentro de cada ser vivo que habita o nosso e todos os outros mundos.

Faça da sua existência um perene ato de Amor, Perdão e Bondade. Não importa sua Fé ou mesmo se você tem uma, pois esses 3 pilares independem de se ter uma religião formalizada, ou acreditar em um “algo mais”, uma vez que Continuar lendo Afie sua mente como uma espada…